Ciro Gomes afirma que Rio Grande do Norte vive “situação trágica” na economia

Em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, o pré-candidato à Presidência da República, Ciro Gomes (PDT-CE) disse que, economicamente, o Estado do Rio Grande do Norte está “em situação trágica”.

“Em toda tragédia tem um lado bom, hoje o Brasil está com o pacto federativo rasgado, 27 estados, 17 estão quebradinhos da silva e o resto vai quebrar também se continuar esse quadro aí, o Rio Grande do Sul não tem saída, lá local, o Palácio do Piratini virou uma usina de destruição de liderança, o Palácio da Liberdade, de Minas Gerais, virou uma usina de destruição de lideranças, isso não é culpa dos governantes mineiros, o Rio de Janerio tá ingovernável, também não tem saída, claro que no Rio passou-se da conta da molecagem, da bandalheira, da roubalheira, mas não é o caso hoje, na minha opinião, o Rio Grande do Norte está numa situação trágica, para dar os exemplos mais doídos, São Paulo não está porquê faz 4 anos que não dá reajuste para os funcionários, coisa que o Ceará faz todo ano”, afirmou Ciro Gomes.

Na entrevista, o pré-candidato também falou de questões como segurança pública, educação e política nacional, especificamente o PT.

Confira no VÍDEO:

VIA MOSSORÓ HOJE

Deixe uma resposta