Politica

Charles Sá segue internado e aguarda ‘audiência preliminar sob vigilância das autoridades policiais, por se tratar de um estrangeiro’.

O médico brasileiro Charles Sá que se envolveu em um acidente de carro que vitimou nove pessoas na Namíbia, entre elas suas esposa, a também médica Natale Gontijo, relatou nas redes sociais que se sente “destruído”, que perdeu o amor de sua vida e que aguarda as autoridades locais.

“Não sei como será meu amanhã”, disse

O casal estava de férias e pretendia fazer um safari por diferentes países do continente africano.

Charles fez um relato do acidente em um comentário publicado na postagem de um amigo. No texto, o médico relatou que ficou desacordado após a colisão e não tem muitas memórias do caso.

“Estou aqui vivo, com uma pequena fratura na coluna aguardando as autoridades locais. Não entendi ainda o porque fiquei vivo, mas Deus deve estar com alguns planos para mim.

Este acidente aconteceu no nosso deslocamento na rodovia.

Aqui é mão inglesa. Na batida, fique desacordado, não lembro de muita coisa”, afirmou o médico.

O médico ainda ressaltou que havia 8 pessoas no outro veículo e que nunca tinha se envolvido em um acidente de carro em toda a sua vida. “Esta foi a primeira vez”, pontuou. Ele foi o único sobrevivente.

No relato, o médico ainda ressaltou que o teste do bafômetro feito com ele teve resultado negativo.

“Natale ainda saiu viva e morreu no hospital. Infelizmente, estou destruído e não estou me importando com muita coisa. Perdi o amor da minha vida.

Não sei como será meu amanhã”, declarou.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo